Ads 468x60px

quarta-feira, 22 de maio de 2013

ENSINA-NOS ORAR, SENHOR!

Igreja Vitória

               Dietrich Bonhoffer, pastor executado no campo de concentração nazista, em seu livro Orando com os Salmos, discorre sobre o pedido dos discípulos a Jesus para que lhes ensinem a orar. Diz ele:
“Assim clamam os discípulos. Admitem que, por si mesmos, não conseguem orar. Precisam aprender. Aprender a orar: isto, para nós, parece coisa contraditória. Costumamos dizer que ou o coração transborda e começa a orar por si mesmo, ou, então, ele jamais o aprenderá. Dizer que o coração é capaz de orar por natureza é, no entanto, um equivoco perigoso, se bem que amplamente difundido na cristandade de hoje. Neste caso nós confundimos desejar, esperar, suspirar, lamentar ou jubilar - de tudo isto o nosso coração é capaz - com orar. Confundimos a terra com o céu, o ser humano com Deus. Orar não significa encontrar, com o coração saturado ou vazio, o caminho para junto de Deus, e falar com ele. Disto, porém, homem algum é capaz. Para poder fazê-lo necessitamos de Jesus Cristo.”
Bonhoeffer continua: “Os discípulos querem orar, mas não sabem como fazê-lo. Que angústia imensa é querer falar com Deus e não poder fazê-lo, ter que silenciar diante de Deus! Que angústia imensa é perceber que todo clamor apenas ecoa no próprio eu, que nosso coração e nossa boca falam a linguagem errada, que Deus não quer ouvir! Neste desespero, procuramos pessoas que nos possam ajudar, pessoas que saibam orar. Certamente cristãos experientes podem ajudar-nos bastante nesta questão; mas eles também só podem fazê-lo através daquele de cuja ajuda eles mesmos dependem. Se forem verdadeiros mestres na oração, eles nos encaminharão a Jesus Cristo. Se Jesus nos inserir na sua oração, se pudermos orar com ele a sua oração, se ele nos levar consigo em seu caminho para junto de Deus e nos ensinar a orar, então estaremos a salvo da angustiante incapacidade de orar.
O mesmo conclui: “Portanto, precisamos aprender a orar. Uma criança aprende a falar porque seu pai fala com ela. Ela aprende a falar a língua paterna. Assim também nós aprendemos a falar com Deus, porque Deus falou e fala conosco. Pela palavra do Pai no céu seus filhos aprendem a comunicar-se com ele. Ao repetir as próprias palavras de Deus, começamos a orar a ele. Não oramos com a linguagem errada e confusa de nosso coração, mas pela palavra clara e pura que Deus falou a nós por meio de Jesus Cristo, devemos falar com Deus, e ele nos ouvirá.”
A verdadeira oração inicia-se com a fé em Jesus. Haveremos de pedir sempre: Senhor, ensina-nos a orar!
Tenha uma semana vitoriosa por Cristo Jesus!

Rev. Lucas Guimarães

* * *
"Não oramos com a linguagem errada e confusa de nosso coração, mas pela palavra clara e pura que Deus falou a nós por meio de Jesus Cristo, devemos falar com Deus, e ele nos ouvirá."

* * *

Igreja Presbiteriana Vitória
Adorar a Deus, amar Jesus, e torná-lo amado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário