Ads 468x60px

domingo, 17 de fevereiro de 2013

NÃO TEMAS: OUÇA O ESPÍRITO SANTO!

Espírito Santo


‘‘Não temas as coisas que tens de sofrer. Eis que o diabo está para lançar em prisão alguns dentre vós, para serdes postos à prova, e tereis tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: O vencedor de nenhum modo sofrerá dano da segunda morte’’ (Apoc. 2.10-11).

          Somos a geração que tomou o medo como alimento para a alma. As catástrofes, os atentados e os infortúnios abalam a estrutura de nosso ser. As pessoas temem o sofrimento. Isso as leva a sofrer duas vezes. Elas sofrem com o temor do sofrimento e com o sofrimento propriamente. O sentimento é de estar à mercê dos infortúnios. Jesus instruiu-nos a não temer as privações e os problemas que se tem de passar (Jo. 16.33). Eles são inevitáveis! Enfrentá-los seguindo a lógica do medo não é uma escolha ideal. Cristo alerta para o fato de que em muitas dessas privações e problemas é o próprio diabo que se encontra envolvido para nos colocar no caminho de morte. Sua obra é de morte, roubo e destruição (Jo. 10.10). Jesus nos mostra que a tribulação, por mais intensa que seja, e mesmo tendo o inimigo como originador, tem seu limite e tempo determinado. Ele nos ensina que ela é vencida com fidelidade a Deus. Sustentando a fé em Cristo e a confiança no amor de Deus, somos capazes de vencer a tribulação. Se haveremos de passar por sofrimento, Cristo nos ensina a confiar em Deus e a ser fiel a ele. O triunfo está na força divina!
           A voz do Espírito Santo adentra a alma da igreja. Ela lança o forte desafio de usarmos o que temos em sua função básica. Temos ouvidos. Que eles sejam usados para ouvir! Os ouvidos são para uso e não para enfeite! O que o Espírito Santo quer que ouçamos diz respeito à certeza de que vale a pena ser vencedor por Cristo Jesus. Não devemos banalizar essa certeza. Aquele que toma a Jesus como vitória de sua vida tem uma garantia que não pode ser-lhe tirada. Ele não padecerá os horrores da segunda morte! A primeira morte se refere à morte física, e a segunda morte é a eterna. Os danos dessa morte são incalculáveis. Não há como calcular o prejuízo que é a perdição eterna de alguém! Ouvidos abertos! Quem vencer por meio da fé em Jesus não será condenado. Os horrores da perdição são anulados. De nenhum modo é possível àquele que é vencedor em Cristo alienar-se de tão grande salvação e padecer eternamente.
           O Espírito Santo faz ecoar em nosso coração essa certeza. Você deve confiar em sua Palavra e fazer ecoar o grito de vencedor, “pois já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus” (Rm. 8.1).
Tenha uma semana de vitória no Senhor!

          Rev. Lucas Guimarães

Nenhum comentário:

Postar um comentário