Ads 468x60px

domingo, 30 de dezembro de 2012

O TEMPO DE DEUS

Igreja Vitória, fim de 2013

          É chegado o fim de mais um ano. A expectativa encontra-se sobre o próximo ano: 2013. As previsões já são colocadas e por elas se gera toda tensão psicológica. Nossa psique encontra-se condicionada a perceber o novo ano como momento de tomada de sentido, novo começo e nova chance. Isso é benéfico, pois faz parte da proposta bíblica de conduzir as pessoas à necessidade de conversão, arrependimento e novo começo após o desgaste da caminhada.
          As pessoas refletem umas com as outras que o tempo está passando depressa demais nos nossos dias. Moisés teve essa mesma impressão a ponto de dizer que “tudo passa rapidamente, e nós voamos” (Sl. 90.10). Isso indica que o sentimento em relação ao tempo é antigo e depende de onde e de como se sente. Aquele que se encontra encarcerado não percebe o tempo como nós. Para ele, o tempo não voa!
          Na geração Time is money (tempo é dinheiro), é necessário iniciar o ano com a correta compreensão do tempo. A Bíblia conhece dois tipos de tempos:
1. Khronos – daí vem a palavra cronológico, que diz respeito ao tempo do relógico (rotineiro e da agenda). Esse tempo é facilmente determinado e usado, bem como facilmente banalizado. O sol nascerá sobre maus e bons. O tempo é dado a todos!
2. Kairos – tempo oportuno dado por Deus para que o crente possa andar em sabedoria e fazer o bem a si mesmo e às pessoas. É o tempo de Deus!
          Paulo em dois momentos fala nesse Kairos (tempo) de oportunidade:
a) Devemos aproveitar as oportunidades para fazer o bem a todos (Gl. 6.10);
b) Devemos remi-lo, ou seja, não desperdiçar as oportunidades dadas por Deus em tempo de dias maus (Ef. 5.16). A exortação leva em conta que sendo os dias maus existe uma grande pressão quanto ao mau uso do tempo e das oportunidades. Resgatar o tempo das forças do desperdício é o alvo do cristão!
          O ano de 2013 terá 365 dias. Nesses dias, Deus colocará oportunidades diversas para que nós, seus crentes, assumamos sua vontade como melhor projeto para viver nesses dias maus.
Em 365 dias que nos serão dados, Deus providenciará suas oportunidades. Com discernimento, o crente percebe o tempo de Deus para a sua vida e o tempo oportuno para os empreendimentos bem-sucedidos. A porta que Deus abre ninguém fecha!
          É tempo da Igreja Vitória perceber o kairos de Deus para a sua vida e ministério em 2013. Diante da batida frenética do relógio, o tempo de Deus se faz mais silente e calmo. É necessário paciência para ouvir o relógio de Deus marcar o tempo da oportunidade, da bênção e da superação. Espere o tempo de Deus!
          Que 2013 seja o nosso tempo oportuno. Abençoado ano novo para todos!

         Rev. Lucas Guimarães

         Leia também: Não será por falta de tempo

Nenhum comentário:

Postar um comentário