Ads 468x60px

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

SER IRMÃOS UNS DOS OUTROS: O MILAGRE DA COMUNHÃO

Nesta quinta (03/02), foi ministrado o segundo estudo da série "Unidade e fé num mundo sem Deus" baseada na Carta de Tiago na Igreja Vitória às 20h00. O título do estudo foi: "Ser irmãos uns dos outros: o milagre da comunhão" (Tg. 1.2). Além do estudo propriamente, destacamos algumas considerações que a Bíblia faz quanto ao nosso relacionamento com os irmãos:
1. O inferno é o castigo para aquele que menosprezar o seu irmão de forma consciente (Mt. 5:22).
2. A nossa oferta, nosso culto e orações dependem da minha disposição para com meus irmãos (Mt. 5:23-24; 18:35).
3. É vetado olhar para o argueiro do irmão, se nosso olho tem uma trave (Mt. 7:1-5; Rm. 14:10, 13).
4. Fazer a vontade de Deus é o que qualifica alguém como irmão ou não (Mt. 12:50).
5. É nosso dever, diante de uma ofensa de um irmão, argüi-lo (Mt. 18:15). Caso nos ouça ganhamos tal irmão. Diante da resistência dele devemos levá-lo a liderança da igreja. O perdão deve ser dado a todo arrependido (Lc. 17:3).
6. Fazer o bem a um irmão é como fazer a Jesus (Mt. 25:40);
7. Devemos nos alegrar com o progresso do irmão (Lc. 15:27-32).
8. Devemos fortalecer a fé dos irmãos (Lc. 22:32).
9. Cristo é nosso primeiro irmão (Rm. 8:29).
10. Cristo morreu pelo nosso irmão, então não o façamos tropeçar (Rm. 14:15; 1 Co. 8:11).
11. Devemos nos privar daquilo que enfraquece o outro (Rm. 14:21).
12. Aquele que divide, devemos mantê-nos afastado (Rm. 16:17).
13. Aquele que se diz irmão e faz... devemos nos afastar dele (Rm. 5:11; 2 Tes. 3:6), mas não considerar como inimigo (2 Tes. 3:14-15).
14. Pecar contra o irmão é pecar contra Cristo (1 Co. 8:12).
15. A reunião dos irmãos deve ser para edificação (1 Co. 14:26).
16. Existem falsos irmãos (2 Co. 11:26). Estes atrapalham nossa liberdade em Cristo (Gl. 2:4).
17. Não ofender e nem defraudar o irmão, pois Deus é vingador dessas coisas (1 Tes. 4:6).
18. Devemos amar os irmãos (1 Pe. 2:17).
19. Quem odeia o irmão está em trevas (1 Jo. 2:9); não procede de Deus (1 Jo. 3:10) e é assassino (1 Jo. 3:15).
20. Pelo amor aos irmãos sabemos que passamos da morte para a vida (1 Jo. 3:14).
21. Devemos dar a vida pelos nossos irmãos (1 Jo. 3:16).
22. Quem diz que ama a Deus e não ama a seu irmão é mentiroso (1 Jo. 4:20).
23. O acusador dos irmãos é o diabo (Apoc. 12:10).
Todos somos irmãos! Nossas habilidades e dons não nos tornam maiores, porém mais servos e dados ao serviço. A quem muito é dado, muito deve dar. Quem muito recebe, muito deve entregar. Quem muito cresce, muito deve fazer crescer. Quem é forte, muito deve levantar os fracos. Quem muito crê, deve fortalecer a fé do outros.

Rev. Lucas Guimarães
Igreja Vitória

Nenhum comentário:

Postar um comentário